Comidinhas típicas peruanas para vegetarianos

peruvian-vegetarian.jpg

A culinária peruana é reconhecida como uma das mais diversas e ricas culinárias do mundo. O chef peruano Gastón Acurio é um dos principais responsáveis pela promoção da cozinha peruana internacionalmente. Ele comanda o restaurante Astrid & Gastón em Lima, considerado pela revista britânica “Restaurant” o melhor restaurante da América Latina em 2013. Os pratos mais conhecidos da culinária peruana são o ceviche (peixe e frutos do mar), o lomo saltado (tiras de filé com tomates e cebola refogada em molho shoyu), o ahí de gallina ( frango ou galinha desfiados, servidos em molho cremoso feito com ají amarelo) entre outros.

Mas, e se você é vegetariano? O que comer no Peru? Preparamos uma listinha modesta com pratos bem populares no Peru que você não pode deixar de provar!

Sopa de quinoa

A quinoa se parece com um grão mas na realidade é uma semente. Por causa dessa semelhança, ela é considerada um pseudo-grão ou pseudo-cereal. O Peru é um dos maiores produtores de quinoa do mundo e a sopa de quinoa é super tradicional em Cusco e na região dos Andes. Ela é servida nos mercados e em praticamente todos os restaurantes locais da cidade. A sopa leva além de quinoa, legumes, espinafre e algumas ervas aromáticas. Existem versões dessa sopa que levam carne, por isso sempre pergunte antes de dar a primeira colherada.

Locro de Zapallo

O locro de zapallo é um ensopado feito com zapallo (uma abóbora andina), choclo (milho andino), batatas, ervilha e ají amarillo, uma pimenta amarela peruana. A receita tradicional leva leite, queijo e huacatay, uma erva da família do hortelã, conhecida no Brasil como cravo-de-defunto (tagetes minuta). O resultado é um guisado cremoso e cheio de sabor! O locro é um prato típico dos povos andinos, que tem sua dieta baseada nas batatas, no maíz e em vários tipos de feijão (porotos). Os ingredientes do locro variam de acordo com a região em que é preparado.

Tallarines verdes

Tallarines verdes é o nome dado ao prato de origem italiana inspirado no famoso pesto ligure ou  talharim ao pesto! Esse molho verde, que tem como ingredientes principais o espinafre e o manjericão, foi trazido para o Peru pelos imigrantes italianos da Liguria, de onde o pesto é originário. Além desses dois ingredientes, o molho leva pinoli, alho e azeite de oliva. No Peru, ainda é possível encontrar uma versão mais saudável para o tradicional talharim e optar por talharim de arroz ou quinoa.

Papa a la Huancaína

Papa a la Huancaína é uma salada de batatas cozidas servidas com um cremoso molho de ají amarillo e queso fresco, um queijo branco artesanal, muito comum nos mercados peruanos. O prato é servida com um ovo cozido e azeitonas pretas, geralmente como prato de entrada.

Guacamole

Para os peruanos, palta con azucar (abacate com açucar) é um sacrilégio, uma loucura brasileira! Abacates no Peru são servidos como acompanhamento de pratos salgados e estão mais pra legume do que pra fruta! Apesar de fazer parte da culinária mexicana, a guacamole é sem dúvida um dos pratos mais populares na mesa dos peruanos, inclusive nos Andes. Guacamole é um “patê” de abacate, preparado com cebola, sal e tomate e geralmente é servido com tequeños, crocantes pasteizinhos feitos com massa de wonton (muito parecido a nossa massa de pastel) e recheados com queijo.

Obviamente, com uma culinária tão rica e variada, você não terá problemas para encontrar um prato típico vegetariano e delicioso! De todas maneiras, ficam aqui essas dicas para que você possa degustar algumas especialidades da cozinha peruana antes mesmo de aprender a dizer hola!